Os tipos de inteligência da educação financeira

Confira se suas escolhas financeiras estão sendo benéficas

Quando o assunto é dinheiro, você se considera estratégico? Acha que faz boas escolhas na hora de gastar? O livro “Desenvolva sua Inteligência Financeira” do empresário Robert Kiyosaki revela quem nem sempre estamos no caminho certo na nossa relação com o dinheiro. Por isso ele trouxe 5 inteligências da educação financeira que podem te auxiliar no dia a dia.

Ganhar mais dinheiro

Pode parecer uma frase ambiciosa demais, contudo, o autor considera que fazer mais dinheiro é uma solução na hora de resolver os problemas financeiros. Entre as formas de fazer isso de forma lícita estão: estudar mais e investir mais. Seguir os dois caminhos já pode ser um segredo de inteligência financeira. É estar sempre pensando em maneiras de gerar mais receitas, e quanto mais você gera, menos esforço você terá.

Proteger seu dinheiro

Além de fazer dinheiro, é importante protegê-lo. Fique atento às taxas dos bancos como manutenção de conta e juros, eles costumam fazer com que você gaste de maneira desnecessária. Você sabia, por exemplo, que todo cidadão tem direito, por lei, a uma conta corrente sem taxas? Segundo a resolução nº 3.919 do Banco Central do Brasil, as instituições bancárias são obrigadas a oferecer gratuitamente serviços básicos aos clientes, como saques mensais (até quatro), transferências entre contas da mesma instituição financeira (até duas), acesso ao internet banking, a liberação de cartão de débito, entre outros. 

Outra dica é ser estratégico até na hora de receber seu dinheiro, segundo especialistas, se você ganha R$ 60 mil reais por ano como CLT, cerca de 27,5% deste valor vai para o imposto de renda. Contudo, se você receber estes R$60 mil reais por ano por meio de uma empresa no simples, paga apenas 6% de imposto. A diferença é de 21,5% ou quase R$13 mil.

Controlar seu orçamento

Você sabe para onde está indo seu dinheiro? Muitas vezes gastamos sem nem perceber. O controle destes gastos precisa ser uma realidade no seu cotidiano para desenvolver a inteligência financeira. Para isso, estabelecer metas e objetivos ajuda a cuidar do dinheiro e evita gastos desnecessários.

Alavancar seu dinheiro

Aqui nós temos que entender a diferença entre custo e investimento. Muitas vezes gastar em algo que te trará retorno no futuro pode ser benéfico, como comprar um imóvel ou fazer uma especialização, isso é investimento. Do outro lado, comprar algo que desvaloriza com o tempo, como um celular ou um carro, você está tendo um custo. Procurar orientar o dinheiro para investimentos faz a diferença no alcance das metas.

Obter informações melhores

Pode parecer frase clichê, mas a verdade é que nunca devemos parar de estudar. Existe uma infinidade de materiais de fácil acesso como e-books, cursos, vídeos no Youtube, páginas no Facebook e até pessoas especializadas em dar consultoria sobre educação financeira. 

Cada conhecimento novo que você adquire, aperfeiçoa sua relação com o dinheiro e trilha um caminho maior rumo à conquistas e sonhos. No livro, Robert Kiyosaki deixa claro que não existe fórmula mágica para enriquecer, o segredo é se tornar mais proficiente por meio de inteligência. 

E você, já seguia algumas das inteligências? Acha que podem fazer a diferença na sua vida? Conta para a gente nos comentários. 

Tags: educaçãofinanceira finanças

Veja mais